Postagens Populares

Resenha - A Garota que Eu Quero — Markus Zusak

13 de jul de 2016








LIVRO: A Garota que eu Quero
AUTOR: Markus Zusak
GÊNERO: FICÇÃO
ANO: 2013
EDITORA: Intrinseca
PÁGINAS:174

O Rube nunca amou nenhuma delas. Nunca se importou com elas. Nem é preciso dizer que Rube e eu não somos muito parecidos em matéria de mulher. Cameron Wolfe é o caçula de três irmãos, e o mais quieto da família. Não é nada parecido com Steve, o irmão mais velho e astro do futebol, nem com Rube, o do meio, cheio de charme e coragem e que a cada semana está com uma garota nova. Cameron daria tudo para se aproximar de uma garota daquelas, para amá-la e tratá-la bem, e gosta especialmente da mais recente namorada de Rube, Octavia, com suas ideias brilhantes e olhos verde-mar. Cameron e Rube sempre foram leais um com o outro, mas isso é colocado à prova quando Cam se apaixona por Octavia. Mas por que alguém como ela se interessaria por um perdedor como ele? Octavia, porém, sabe que Cameron é mais interessante do que pensa. Talvez ele tenha algo a dizer, e talvez suas palavras mudem tudo: as vitórias, os amores, as derrotas, a família Wolfe e até ele mesmo. 


                                                                                  
                              Submarino | Saraiva | Americanas |  Amazon | Editora Intrínseca
                                Para Download em PDF, ePUB, Mobi e Ler Online: Aqui

Resenha:


Cameron Wolfe tem 3 irmãos, Steve, o mais velho é um astro de Futebol. Sarah, sua única irmã, e Rube, o irmão do meio, bonito e cafajeste que troca de namorada como troca de roupas. Diferente de seu irmão Steve, Cameron não é um astro do futebol, ele nem se quer sabe jogar futebol. Mas diferente ainda de seu irmão Rube, Cameron não tem tantas garotas assim ao seu favor.

Cameron é um adolescente que assim como todos passam por muitos conflitos. Um de seus maiores conflitos são as pessoas que os chamam de fracassado e perdedor (até seus proprios familiares, acreditem!) Vamos combinar que ninguém quer ouvir isso, não é? Pois Cameron escuta isso com mais frequência do que um "Oi". Por conta disso, ele acaba achando que realmente é um fracassado perdedor. 

– Você já ouviu um cachorro chorar, Steve? Sabe como é, uivar tão alto que quase chega a ser insuportável? – Ele fez que sim. – Acho que uivam assim porque estão com tanta fome que chega a doer, e é isso que sinto em mim, todos os dias da minha vida. Tenho uma fome enorme de ser alguma coisa, de ser alguém.


Nada vem fácil para um ser humano como eu
Isto não é uma queixa.
É só uma verdade.


Octavia é uma menina dona de um talento maravilhoso, carismática e cheia de simpatia que namora o irmão de cam, o Rube. Cam reconhece que ela é boa demais para o irmão e conhecendo o irmão que tem sabe que mais cedo ou mais tarde ela será magoada por Rube, e ele não quer que isso aconteça. 

"A gente sente, o que sente."

Contudo, ele acaba desenvolvendo uma paixão por Octavia e quando o relacionamento dela com seu irmão acaba, ele percebe que pode haver algo entre ele e Octavia, mas tem medo de colocar a união que ele tem com  Rube em risco. Da mesma forma, os dois acabam se envolvendo, um, fazendo bem para o outro! 

"Você é a primeira pessoa que eu realmente quis que me amasse."


"— Existe alguma coisa que você já tenha desejado fazer com perfeição?
— Um coisa que gostaria de ser perfeito? Amar você. Eu gostaria de amar você de forma perfeita.”


Cam deixa Octavia conhecer o "Verdadeiro" Cam por trás da pessoa silenciosa e  solitária que ele é.

"Você poderia nunca falar coisa alguma, e mesmo assim eu saberia que você tem um grande coração."




Minha Opinião:

Gente, dá muita dó do Cameron, em algumas partes do livro da vontade de falar com ele (Calma Cam, o problema não é você, o problema são as pessoas te dizendo o que você é ou não é)

"Às vezes, apenas sobrevivo."

 Mas ele é tão quietinho e fofo que acaba  sendo engraçado em algumas situações. ( Eu quero um Cameron pra mim) Ele é bem profundo com tudo e isso é lindo demais!

Depois que o trem se foi, fiquei parado ali, até finalmente perceber como fazia frio na plataforma. Uma coisa me ocorreu. Meu espírito tinha ido embora. Procurei por toda parte, até perceber.
Ele não tinha descido do trem comigo. Ainda estava naquele vagão, com Octavia.

É raro livros com a narrativa feita por meninos e nesse livro a narrativa é totalmente feita por Cameron. Marcos Zusak retrata muito bem seus pensamentos, e o que se passa em sua cabeça fica bem explícito, o que é maravilhoso, pois  são tão comuns livros com narrativas femininas que sinto falta de uma narrativa masculina, e com esse livro pude totalmente saciar minha vontade. Cameron também escreve, o livro e cheio de suas poesias maravilhosa nos finais. ou nos começos dos capítulos!
Eu amei este livro! Confesso que quando o comprei não esperava muito dele, mas ele me surpreendeu, e muito! Ele é bem leve de se ler, eu o li em um dia frio e chuvoso, recomendo que vocês leiam ele em dias assim, tomando algo bem quentinho para esquentar como chá, ou café. Recomendo este livro para quem quer sair daquela coisa Clichê de Bad boys e  garotinhas inocentes.

Avaliação:


Ah, vale mencionar que o livro é cheio de citações maravilhosas, como essas:

Há inúmeros momentos a serem lembrados, e às vezes acho que não somos pessoas, na verdade. Talvez sejamos momentos. Momentos de fraqueza, de força. Momentos de salvação, de tudo." —  A garota que eu quero.

"Tratem de levar a vida mais digna que puderem. Sei que vocês vão cometer erros, mas, às vezes, é para isso acontecer mesmo, está bem?"
—  A garota que eu quero.

Acho que, quando alguém lhe conta uma coisa que costuma guardar, você se sente privilegiado, não por saber algo que ninguém mais sabe, mas por se sentir escolhido.—  A garota que eu quero


E pra finalizar, não sei se  muitos sabem, mas esse livro faz parte de uma triologia que se chama "Irmãos Wolfe" e  Intrínseca comprou apenas os direitos autorais do último livro!

Sequência de publicação/Cronologia da série:



1- O Azarão (The Underdog, 1999) – Bertrand Brasil
2- Bom de Briga (Fighting Ruben Wolfe, 2000) – Bertrand Brasil
3- A Garota que eu Quero (When Dogs Cry ou Getting the Girl, 2001).


Espero que gostem" Se vocês já leram, me contem o que acharam do livro nos comentários, Beijinhos de Brigadeiro, XoXo <3

Nenhum comentário

Postar um comentário

 
Desenvolvido por Michelly Melo.